1

OKR: O que é e como adotar a metodologia de Objectives and Key Results?

9 minutos para ler
admin
Por Marketing

A metodologia OKR (Objectives and Key Results), traduzido do inglês, significa “objetivos e resultados-chave”. Trata-se de uma metodologia de gestão, que permite à empresa orientar as suas ações, para alcançar os seus objetivos principais.

Tirar ideias e planejamentos do papel, em qualquer empresa, é um processo que exige o uso de ferramentas e metodologias que visem a gestão eficiente.

Uma das principais ferramentas para a construção de modelos de gestão e o planejamento estratégico com este fim é a Metodologia OKR.

A Metodologia OKR se mostra tão importante e eficiente, justamente porque a falta de foco e metas pode ser mortal até mesmo às pequenas empresas. Por isso, o OKR surgiu como uma forma de não apenas determinar esses objetivos claramente, mas de monitorá-los.

Neste artigo, você vai aprender como a Metodologia OKR (Objectives and Key Results) é aplicada nas empresas. Conheça as vantagens e os objetivos do OKR, e porque é fundamental para os negócios. Confira!

O que é OKR?

A Metodologia OKR é voltada à gestão empresarial, tendo sido criada por Andrew Grove, ex-CEO da Intel. 

A metodologia nasce da junção entre os objetivos e os resultados chaves de uma empresa. De tal forma que, enquanto os objetivos direcionam o que a empresa tem como grande meta e missão, os key results auxiliam a tornar isso real.

Eles abordam uma fase importante do planejamento de qualquer empresa, quando se busca identificar periodicamente quão mais longe ou perto se está dos objetivos. Isso, inclusive, auxilia todos os colaboradores a se engajarem de forma mais intensa ao que é proposto.

Os key results são executados principalmente através de outros pequenos e secundários objetivos. Porém, eles são sempre uma forma de se chegar aos objetivos principais, pois cada objetivo está interligado ao outro.



A importância do OKR para uma empresa

Mas, afinal, quais são os benefícios da Metodologia OKR para uma empresa de forma prática? Pois tudo isso pode até funcionar bem na teoria, mas é preciso entender o que ela realmente acrescenta.

Além de ser uma metodologia de baixo custo, ela é dinâmica e engloba todos os setores da empresa. Ou seja, a abrangência é dos cargos mais altos aos mais baixos, o que certamente resultará em melhores resultados e alcance dos objetivos da empresa.

Vale considerar também que uma consequência disso é dar uma cultura de organização mais definida à empresa. O que é importante principalmente no início do processo, quando as OKRs devem absorvidas por toda a empresa.

Portanto, vamos pontuar mais alguns benefícios básicos que a Metodologia OKR pode fornecer à empresa:

  • Engajamento dos colaboradores;
  • Mensuração dos resultados rotineiramente;
  • Organização dos processos da empresa;
  • Maior lucratividade e produtividade;
  • Redução do estresse dos funcionários.

É claro que em cada empresa isso é muito variável. Em empresas menores, os OKRs podem ser mais fáceis, pois abrangerem ainda menos pessoas. Ou seja, a integração é ainda maior.

Powered by Rock Convert

As principais características do OKR

A Metodologia OKR possui algumas características bem específicas. 

Compreendê-las, então, torna ainda mais fácil entender o próprio termo “Objectives and Key Results” e também como ele pode ser na prática.

  • Ciclos trimestrais: As metas, para chegar ao objetivo principal, são definidas trimestralmente, evitando que elas acabem engessadas e ultrapassadas;
  • Metas simples: Ao estabelecer metas, normalmente é preciso deixá-las simples e facilmente compreensíveis. Isso facilitará, também, a mensuração dos resultados;
  • Transparência: Tudo deve ser muito claro para todos, pois o controle dos resultados estará disponível para toda equipe, o que reforça a importância de uma comunicação empresarial e corporativa bem estabelecida;
  • OKRs definidos pela equipe: Para uma implementação bem sucedida, estima-se que o ideal é que cerca de 60% dos OKRs sejam definidos pelos próprios funcionários, aumentando o engajamento. Apenas 40% de todas as metas devem ser definidos pela administração;
  • Stretch Goals: Em geral, as metas envolvidas no OKR levam a se repensar a forma como se trabalha, o que estimulará todos a trabalharem mais e de forma melhor;
  • Remuneração e avaliação são separados: Na Metodologia OKR, as metas não são ligadas à remuneração, o que melhora o ambiente de trabalho para a equipe.

Como integrar a mensuração de resultados na cultura de uma empresa

A mensuração dos resultados, em direção aos objetivos macro, é tarefa primordial em qualquer empresa. 

Seja ela semanal, mensal ou uma vez a cada três meses – que pode ser o ideal -, é importante que a mensuração de resultados aconteça, para que não se perca o rumo de qualquer organização.

Neste processo, o objetivo é mensurar e avaliar quais passos devem ser feitos, para o alcance dos objetivo. 

Por isso, em geral, isso acaba sempre no mesmo ponto: avaliar o que está dando certo e o que se precisa mudar. E como integrar isso à rotina de uma empresa?

Na verdade, isso se inicia aos poucos. Inclusive, é preciso ter cuidado para não assustar a equipe, por exemplo. 

Muitos entendem mensuração de resultados como uma forma de avaliar quem está trabalhando bem ou não.

E não como um momento no qual todos irão ter acesso ao que precisam saber, para a melhoria do seu próprio trabalho.

Acima de tudo, deve-se deixar claro que esse não é o ponto. A mensuração é mais focada, principalmente, no planejamento, do que qualquer outro fator.

Afinal, o principal objetivo da Metodologia OKR é envolver o dia a dia de todos na busca pelas metas.

Por isso, um dos princípios é também dividir os objetivos e trabalhar a definição de metas em partes menores. Com isso, também a mensuração será dividida em partes menores. 

Quando algo é comprovado que não está dando resultado, a mensuração permite mudar isso imediatamente. Ou seja, economiza-se tempo, dinheiro e trabalho.

Por último, invista em feedbacks. Solicite o retorno de cada colaborador após a mensuração dos resultados e leve sempre isso em consideração.

Como funciona a Metodologia OKR

A metodologia possui dois elementos principais: objetivos e resultados-chaves (key results). Cada um deles permite entender como a Metodologia OKR funciona exatamente.

Os objetivos estão ligados àquilo que a empresa pretende como missão. Ou seja, as metas mais difíceis e decisivas para o seu sucesso!

Considerando um e-commerce de moda, por exemplo, esses poderiam ser os objetivos do OKR:

  •  Aumentar as vendas;
  • Criar um serviço diferenciado de suporte ao cliente;
  • Ganhar autoridade online.

Ou seja, tudo está muito claro e bem definido. Porém, para que sejam alcançadas as metas, entram em ação os resultados-chave. 

Eles são a forma de chegar aos objetivos principais através de etapas. É como se o objetivo principal fosse desmembrado em outras ações.

No exemplo do e-commerce, alguns resultados-chaves poderiam ser definidos da seguinte forma:

  • Objetivo: Aumentar as vendas
  • Key results:

Portanto, o que se observa é que o resultado-chave permite alcançar o objetivo. Aliás, se a empresa perceber que os OKRs estão muito facilmente sendo alcançados, é hora de definir metas ainda mais altas.

Como a mensuração dos resultados, será possível verificar isso de forma nítida. Assim, novas metas poderão entrar em ação para o crescimento da empresa.

Como fazer o lançamento de um produtoPowered by Rock Convert

6 passos para estruturar a Metodologia OKR

Como tornar a metodologia OKR real em uma empresa? Aqui, vamos apresentar 6 passos que tornam isso uma tarefa mais simples:

  1. Defina metas claras: Quanto mais claras as metas no OKR, melhor. Isso facilitará para a execução dos key results posteriormente.
  2. Divida os objetivos em top-down e bottom-up: Os objetivos devem ser divididos entre os gestores e os demais funcionários. Assim, todos se envolvem nas metas e aumenta o engajamento.
  3. Priorize prazos curtos: Lembre-se de que no OKR as metas devem ser a curto prazo. Isso aumenta o engajamento para atingi-las, já que o prazo está logo ali se esgotando.
  4. Mensure os resultados constantemente: O ideal é fazer isso a cada três meses. Mensurações semanais também podem auxiliar, mas de forma mais superficial, pois é a avaliação mais longa que importará.
  5. Tenha os OKRs acessíveis a todos: A transparência deve ser a palavra de ordem, pois assim todos saberão quais são as metas e como estão sendo alcançadas. Dessa forma, há uma maior chance de que todos passem a confiar na Metodologia OKR.
  6. Separe esforços de resultados: Mesmo quando todos trabalham muito, há algo errado quando o resultado não surge. Por isso, então, que a mensuração é tão importante. Afinal, não se pode julgar apenas pelo esforço.

Conclusão

Um dos diferenciais da metodologia OKR é que cada empresa pode adaptá-la conforme a sua realidade.

Ou seja, ela é viável para todos. 

Porém, independente do ramo, setor ou tamanho, definir metas e mensurar os resultados é importante. Portanto, é preciso entender o que realmente é o OKR e como se beneficiar dessa metodologia.

Lembre-se de que não se trata apenas de uma forma de gestão, mas de algo a incorporar na filosofia da sua empresa. 

Assim, toda a equipe pode entender o espírito de engajamento que o OKR transmite e trabalhar em conjunto para alcançar as metas.

Quer dicas para apresentar as metas, dados e objetivos de sua empresa para os funcionários? 

Leia o nosso artigo sobre Data Storytelling e aprenda a desenvolver apresentações com números e dados que contem histórias e envolvam toda a audiência.

Vai sair de mãos vazias?

Baixe o nosso Guia de Apresentação de Impacto

E veja na prática como criar apresentações impactantes que vão surpreender o seu público!
BAIXAR AGORA
close-link